Hipnose

Bivolt

fotos
Traduzir a letra da música para:
  • tradução para português
Hipnose
E o que me irrita é esses boy sem noção
Enquanto eu raspando minha placa no chão
Quem não tem postura chega na emoção
Não estrago minhas unha com esse vacilão
Que meu bonde tá esperto, só na contenção
As mina é princesa e faca no dragão
Paga no dinheiro, odeia pagaçao
Quem tem bota logo na mesa o cifrão
Não nasci rica, fia
Eu faço o corre
Na terra ou cê é ligera ou ela memo que te engole
Não nasci rica, fia
Só sou estilosa
História triste esquece
Eu quero a parte mais gostosa, ok

Hipnotizando com o meu bumbum
Sente a sensação não vai mais pra lugar nenhum
Ce é tão frágil, boy
Eu tão ágil, boy
Te tomo fácil, boy
Te tomo fácil, boy

Minha amiga bi, me chamou e eu cheguei
Já perdi as conta de quantos eu já calei
Pra chegar aqui, sambei nos boy, pisei eu sei
Meu bem, causei, ousei, visei
Acelerei, nem avisei “ok”
Do nada cê vai me bonita no della make
Eu nunca te pedi nada, meu bem
Se eu gasto meu cash dane-se a opinião de quem não tá aqui quanto não tem (“Um tempo atrás”)
Lembro quando fui nas roda e trombei (Quem?)
Uns mano uó que se acha o rap
Virava as costas na roda e agora me divulga: "essa bixa é foda"
Quem puxa saco, puxa tapete também
Eles me querem, mas não assume pra ninguém
Sua inveja vem de onde o medo vem
Olha só que louco, tô vendo o futuro
Tô vendo as mina, as mona, as trava e não te encontrei

Hipnotizando com o meu bumbum
Sente a sensação não vai mais pra lugar nenhum
Ce é tão frágil, boy
Eu tão ágil, boy
Te tomo fácil, boy
Te tomo fácil

Nóis e bom mas não é bombom
Sabe bem quem é o inimigo
Quero ideia de progresso
Baby eu já to em outro nível
Sou bitch street style
MC que anima o baile
Vida longa pras parceira
Ninguém dorme até mais tarde
Sou do tipo que passa e eles vê
Não conhece mas quer comentar
Baby melhor não se arrepender
Arapuca das braba eu sou má
Erva daninha, sapeca, foguentinha
Falo as verdade na cara, cê não vai querer escutar
Os macho que pagar de ação, né
Tem Flow mas não tem dicção, fé
Garanto que vai precisar
Não é uma guerra
Suave e se fosse nóis que ia ganhar
Com esse tipo de papo que quer me ganhar
Já morre quando eu começar a rebolar
Te parto no meio mas bem devagar

Hipnotizando com o meu bumbum
Sente a sensação não vai mais pra lugar nenhum
Ce é tão frágil, boy
Eu tão ágil, boy
Te tomo fácil, boy
Te tomo fácil


Denunciar conteúdo inapropriado
ouvir música adicionar no player
  • Bivolt - Hipnose
Publicidade
00:00 / 00:00