Faca na Caveira (Ao Vivo em Brasília)

Diego e Victor Hugo

fotos
Traduzir letra para:
  • tradução
Faca na Caveira (Ao Vivo em Brasília) Diego e Victor Hugo
Você se esconde
Dura na queda
Seu coração é tipo uma selva de pedras

Tem saudade, mas finge bem
Seu orgulho acaba na cama de quem
Sempre tropeça na sua carência
E cai no meu colo
E abusa dos meus beijos, ô, uô...

Depois do amor retoma a consciência
E tenta fingir
Mas o estrago foi feio

E se somar a nossa saudade
Minha boca com a sua num colchão
Vai dar bom
Diminuindo o seu juízo
E aumentando o volume do coração
Vai dar bom

Eu não saio da sua cabeça
Meu beijo não tem defesa
E quando a gente topa
É faca na caveira
(2x)

E quando a gente topa...


Denunciar conteúdo inapropriado
ouvir música adicionar no player
  • ouvir
Estilos: Sertanejo
Publicidade
00:00 / 00:00