Da Janela

Antônio Marcos

fotos
Traduzir a letra da música para:
  • tradução para português
Da Janela Antônio Marcos
Toda a mesma hora,
Da Janela,
Vejo sua imagem,
Que desfila!

Minha mão vacila
Pela moça bela,
Posso ou não
Ficar com ela!

Minha voz é pouca,
Isso me espanta,
Não devo gritar
Sem ter direito,
Fica na garganta,
Estrangula o peito,
Canto porque não
Tem jeito!

Tolo na janela
Vejo a noite e ela,
Vindo na calçada,
Como a madrugada,
Logo vem o dia,
Mais uma agonia,
Da janela eu fico,
Da janela eu vejo!
Esse meu destino,
Me faz de cretino,
Esperando a toa,
Pela hora boa,
De sair à rua,
De beijar a lua,
Da janela eu fico,
Da janela eu vejo!

Ela me aparece,
Como louca,
E eu quase me mato
De desgosto,
Emudece a boca,
Umidece o rosto,
Sofro pra não ver
Seu rosto!

Pode ser que um dia
Eu abra a porta,
Pra mostrar a ela
O meu segredo!

Hoje não importa,
Não que eu tenha medo,
Tudo ainda é muito cedo!

Tolo na janela,
Vejo a noite e ela,
Vindo na calçada,
Como a madrugada,
Logo vem o dia,
Mais uma agonia!
Da janela eu fico,
Da janela eu vejo!
Esse meu destino,
Me faz de cretino,
Esperando a toa
Pela hora boa
De sair à rua,
De beijar a lua,
Da janela eu fico,
Da janela eu vejo,
Vejo, vejo...



Denunciar conteúdo inapropriado
play vídeo adicionar no player
Estilos: Gospel/Religioso, Jovem Guarda
Publicidade
00:00 / 00:00