Não Há Quem Aguente

Falcão

fotos
Traduzir a letra da música para:
  • tradução para português
Não Há Quem Aguente Falcão
Baby, você diz que eu não lhe procuro mais
Como é que eu posso se você não se esconde?
E quando eu acho você não me atende
Inventa um lero uma conversa um etcetera e tal

Agora que eu fiquei bom da fimose
Cortei o cabelo mandei lavar o carro
Fiz o retorno larguei o cigarro
Procitei conforme manda o paragrafo D

Eu quero ficar com você
Mas você é só num sei o quê, num sei o quê
Num sei o que lá, num sei o quê
E ai meu bem não há quem aguente, não há quem aguente
E aí meu bem não há quem aguente, não há quem aguente

Baby se eu failei ne algum ocasião
foi uma pane psicolevantoativa
É que eu ando preocupado com a vida
com o que se passa em nossa casa e meio ambiente

Além dos problemas domésticos
E do aumento do nível das águas do oceano
Você ainda inventa tudo quanto é bom
Só pra piora a vida da gente

Dizendo assim meu bem não há quem aguente
Não há quem aguente
Dizendo assim meu bem não há quem aguente
Não há quem aguente

Agora eu vou mudar meu jeito e daqui pra frente
Prometo não lhe deixar mais de hoje pra trás
Não sem antes beijar-lhe a boca e adjacências
Não necessáriamente nessa sequência

Eu quero ficar com você mas você é só
Num sei o quê, num sei o quê
Num sei o que lá, num sei o quê e ai meu bem
Não há quem aguente, não há quem aguente
E aí meu bem não há quem aguente
Não há quem aguente...


Denunciar conteúdo inapropriado
play vídeo adicionar no player
  • ouvir música Falcão - Não Há Quem Aguente
Estilos: Forró, Brega
Publicidade
00:00 / 00:00