Invultado

Flávio José

Flávio José
Traduzir a letra da música para:
  • tradução para português
Invultado
Dizem que sou um riacho
De água doce no cio
Que se derrama no rio
Pra abraçar o oceano
Que sou assim como um pano
Que se entrega pra agulha
Pra desenhar a fagulha
Da vida do seu bordado
Sou um amor desgarrado
Pra longe de quem me quis (Bis)

Pensamento não digo
Mas eu penso
Que minha alma
Já teve pesadelo
Minha calma possui
Um desmantelo
Ressonando na sombra
Do passado
No presente escaldado
Malasombro
Se assombra
Quem vem me assombrar

Me invulto no véu da ligeireza
Mudo o rumo que tem
A correnteza
Só pra ver o barreiro
Encher e sangrar (Bis)


Denunciar conteúdo inapropriado
play vídeo adicionar no player
Forró
Publicidade
00:00 / 00:00